segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

SENHOR, DAI-NOS A PAZ!

O novo ano é iniciado com duas importantes festas. A Igreja celebra Santa Maria, mãe de Deus, e a sociedade comemora o dia mundial da paz. São belas motivações para quem deseja marcar o novo tempo com esperança e otimismo. Maria, mãe de Deus, acolhe-nos no seu imenso coração materno. Jesus, que se comprometeu a permanecer conosco até o fim, confirma esse propósito e presenteia-nos com o dom da sua paz.
De fato, a humanidade vive aflita e apreensiva com tantas manifestações de violência, que vão de comportamentos pessoais desumanos e cruéis aos protestos da natureza contra os maus-tratos que vem recebendo. Em tal situação, o anseio da paz é o sentimento mais forte que domina os seres humanos. Quantos tratados já foram assinados com a finalidade das nações viverem em maior harmonia! Quantos apelos já foram formulados para que os homens se desarmem, sejam pacíficos diante de represálias transformando as ofensas recebidas em pedras para alicerçar a civilização da paz e da fraternidade! Para isso contamos, sem dúvida, com a força de Deus e o auxílio da Mãe, que é louvada na madrugada de 2011. Mas, para que a paz floresça, é indispensável fazermos a nossa parte. A paz não cai do céu por acaso, porque não é fruto apenas da providência divina. Na sua preparação, as mediações das pessoas que desejam fazer o bem são imprescindíveis.
Peçamos ao Espírito Santo que nos dê o discernimento para identificarmos o caminho da reconciliação universal e seguirmos por ele, lançando as sementes da paz, porque um canto muito entoado em algumas regiões do Brasil ensina que "a paz se faz com as mãos; a paz se faz com os pés; a paz se faz com o coração".
Dom Geraldo Magella Agnelo
Cardeal Arcebispo de Salvador

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget

Bate Papo no Blog