sexta-feira, 24 de junho de 2011

NATIVIDADE DE SÃO JOÃO BATISTA

A natividade de João (Deus tem piedade) Batista (aquele que batiza) tem algumas particularidades que desejo partilhar com nossos amigos:

  1. João nasce de Isabel (anciã e estéril), enquanto que Jesus Cristo nasce de Maria (jovem e virgem).
  2. Zacarias (pai de João) não crê que Isabel pudesse engravidar e fica mudo; Maria acredita e Jesus Cristo é concebido pela fé.
  3. João Batista é o ponto de encontro entre Antigo e Novo Testamento; e Jesus Cristo é a plenitude da Revelação de Deus.
  4. Quando João recebe o nome através da concordância entre Zacarias e Isabel, o pai de João solta a lingua e louva Deus; e Jesus Cristo é a Palavra de Deus (Dei Verbum) que chegará.
  5. João é a voz que clama no deserto, trazendo a missão de promover o movimento do deserto a fim de levar as pessoas à conversão; e Jesus Cristo é, desde o princípio, a Palavra eterna, que trará o moviumento pelo Reino de Deus.

João Batista foi o precursor, preparou o caminho para a chegada do Filho de Deus, e tal como ele foi, que cada um de nós cristãos e cristãs, sejamos também preparadores da Revelação de Deus, a fim de que os Pobres e Trabalhadores, possam contribuir no movimento pelo Reino de Deus sem exibicionismos ou disputas comunitárias.

Padre Luiz, fc

terça-feira, 21 de junho de 2011

CORPUS CHRISTI

CORPUS CHRISTI

O unigênito Filho de Deus, querendo fazer-nos participantes da sua divindade, assumiu nossa natureza, para que feito homem, dos homens fizesse deuses.
Assim, tudo quanto assumiu da nossa natureza humana, empregou-o para nossa salvação. Seu corpo, por exemplo, ele o ofereceu a Deus Pai como sacrifício no altar da cruz, para nossa reconciliação; seu sangue, ele o derramou ao mesmo tempo como preço de nosso resgate e purificação de todos os nossos pecados.
Mas, a fim de que permanecesse para sempre entre nós o memorial de tão imenso benefício, ele deixou aos fiéis, sob as aparências do pão e do vinho, o seu corpo como alimento e o seu sangue como bebida.
Ó precioso e admirável banquete, fonte de salvação e repleto de toda suavidade! Que há de mais precioso que este banquete? Nele, já não é mais a carne de novilhos e cabritos que nos é dada há comer, como na antiga Lei, mas é o próprio Cristo, verdadeiro Deus, que se nos dá em alimento. Poderia haver algo de mais admirável que este sacramento?
De fato, nenhum outro sacramento é mais salutar do que este; nele os pecados são destruídos, crescem as virtudes e a alma é plenamente saciada de todos os dons espirituais.
É oferecido na Igreja pelos vivos e pelos mortos, para que aproveite a todos o que foi instituído para a salvação de todos.
Ninguém seria capaz de expressar a suavidade deste sacramento; nele se pode saborear a doçura espiritual em sua própria fonte; e torna-se presente a memória daquele imenso e inefável amor que Cristo demonstrou para conosco em sua Paixão.
Enfim, para que a imensidade deste amor ficasse mais profundamente gravada nos corações dos fiéis, Cristo instituiu este sacramento durante a última ceia, quando, ao celebrar a Páscoa com seus discípulos, estava para passar deste mundo ao Pai. A Eucaristia é o memorial perene de sua Paixão, o cumprimento perfeito das figuras da Antiga Aliança e o maior de todos os milagres que Cristo realizou. É ainda singular conforto que ele deixou para os que se entristecem com sua ausência.

Obras de Santo Tomás de Aquino

quarta-feira, 15 de junho de 2011

SANTÍSSIMA TRINDADE

Não devemos perder de vista a Tradição, a doutrina e a fé da Igreja Católica, tal como o Senhor ensinou, tal como os apóstolos pregaram e os Santos Padres transmitiram. De fato, a Tradição constitui o alicerce da Igreja, e todo aquele que dela se afasta deixa de ser cristão e não merece mais usar este nome.
Ora, a nossa fé é esta: cremos na Trindade Santa e perfeita , que é o Pai, o Filho e o Espírito Santo; nela não há mistura alguma de elemento estranho; não se compõe de Criador e criatura; mas toda ela é potência e força operativa; uma só é a sua natureza, uma só é a sua eficiência e ação. O Pai cria todas as coisas por meio do Verbo, no Espírito Santo; e deste modo, se afirma a unidade na Santíssima Trindade. Por isso, proclama-se na Igreja um só Deus, que reina sobre tudo, age em tudo e permanece em todas as coisas (Ef. 4, 6). Reina sobre tudo como Pai, princípio e origem; age em tudo, por meio do Verbo;  e permanece em todas as coisas no Espírito Santo.
São Paulo, escrevendo aos coríntios acerca dos dons espirituais, tudo refere a Deus Pai como princípio de todas as coisas, dizendo: Há diversidade de dons, mas um mesmo é o Espírito. Há diversidade de ministérios, mas um mesmo é o Senhor. Há diferentes atividades, mas um mesmo Deus que realiza todas as coisas em todos (1 Cor. 12, 4-6)
Os dons que o Espírito distribui a cada um vem do Pai por meio do Verbo. De fato, tudo o que é do Pai é do Filho; por conseguinte, as graças concedidas pelo Filho, no Espírito Santo, são dons do Pai. Igualmente, quando o Espírito está em nós, está em nós o Verbo, de quem recebemos o Espírito; e, como o Verbo, está também o Pai. Assim se cumpre a Escritura: Eu e o Pai viremos a ele e nele faremos a nossa morada (Jo 14, 23). Pois onde está a luz, aí também está o esplendor da luz; e onde está o esplendor, aí também está a sua graça eficiente e esplendorosa.
São Paulo nos ensina tudo isto na segunda Carta aos coríntios, com as seguintes palavras: a graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunhão do Espírito santo estejam com todos vós (2 Cor. 13, 13). Com  efeito, toda a graça que nos é dada em nome da Santíssima Trindade, vem do Pai, pelo Filho, no Espírito Santo. Assim como toda a graça nos vem do Pai por meio do Filho, assim também não podemos receber nenhuma graça senão no Espírito Santo. Realmente, participantes do Espírito Santo, possuímos o amor do Pai, a graça do Filho e a comunhão do mesmo Espírito.

sábado, 11 de junho de 2011

PENTECOSTES

A FESTA DE PENTECOSTES ENCERRA O CICO PASCAL DO CALENDÁRIO LITÚRGICO E PODEMOS DIZER QUE É O AUGE DO TEMPO PASCAL. JESUS CRISTO ENVIA O ESPÍRITO SANTO E CONFIA QUE OS DISCÍPULOS SAIAM COMO APÓSTOLOS NA MISSÃO CRISTÃ.
ESTA  "MISSIO" DESAFIA CADA UM DE NÓS E AS COMUNIDADES A PERDER O MEDO DE ANUNCIAR O FILHO DE DEUS, NÃO TER VERGONHA DE SER RECONHECIDO COMO APÓSTOLO DE CRISTO, SER PROMOTOR DA PAZ COMO FRUTO DA JUSTIÇA E DO AMOR; PROMOVER A UNIDADE COM GESTOS DE CARIDADE E LEMBRAR QUE FAZEMOS PARTE DE UMA PARÓQUIA COMPOSTA POR CINCO COMUNIDADES, TRABALHANDO PELA UNIDADE PAROQUIAL.
O ESPÍRITO SANTO DÁ CORAGEM NA PROFISSÃO DE FÉ, SER CRISTÃO CONFORME JESUS CRISTO ENSINOU, LEVA-NOS A SERMOS PROFETAS E PESSOAS CAPAZES DE IRRADIAR O BEM PELA UNIDADE.
É PENTECOSTES, TOMARA QUE DEIXEMOS O ESPÍRITO SANTO HABITAR EM NÓS E ASSIM, POSSAMOS TRABALHAR PELA JUVENTUDE, PELAS MISSÕES POPULARES E PELA FORMAÇÃO BÍBLICO-CATEQUÉTICA.

PADRE LUIZ, FC 

quinta-feira, 9 de junho de 2011

PASTORAL DA SAÚDE

Tenho como propósito de vida atender à todas pessoas, principalmente aquelas que estão doentes. Neste dia fui chamado para ministrar o sacramento da Unção dos Enfermos para um amigo de nossa comunidade, morador no bairro da Vista Alegre.
O nosso irmão Osvaldo está internado no hospital Mário Covas e ao chegar fiquei feliz em vê-lo, pois aparentemente está recuperando sua saúde. Foi um grande susto para a família, mas do forma que está caminhando o tratamento médico, amanhã ele poderá ir para o quarto.
Estou feliz e coloco em nossas orações, os médicos, enfermeiros, familiares e amigos que ajudam neste desenlance. que Deus abençoe a todos e seguimos, "fazendo coisas pequenas, em lugares humildes, com gestos singelos e promovendo mudanças extraordinárias".

Padre Luiz, fc

VIDA DE ALGUNS BRASILEIROS

Estive participando de uma reunião da Pastoral da Juventude em Diadema na segunda-feira (06/06/2011) e a reunião terminou por volta das 17h30m. Eu precisava chegar na paróquia São Geraldo, Vila Guaraciaba em Santo André, às 20h para dar o curso bíblico a alguns paroquianos.
Pensei em embarcar no trólebus (terminal Piraporinha) e depois no ônibus Vila Suiça (estação de Santo André). Infelizmente constatei o ritmo de vida que passam vários trabalhadores(as) de nosso ABC Paulista. Congestionamentos,  excesso de carros, motoristas irritados, ofensas, ônibus lotados e impossíveis de embarcar, resultaram num grande transtorno para mim e para outras pessoas.
Em meu caso tive que caminhar uns 40 minutos para chegar ao terminal Piraporinha e depois, em Santo André, precisei vir de táxi para não chegar atrasado em meu compromisso. Cansou-me este itinerário e além disto, uma viagem que custa R$ 6,00 saiu por R$ 25,00.
A vida de alguns brasileiros é muito sofrida, principalmente porque os nossos governantes não investem no transporte público, as nossas cidades não estão preparadas para receber os veículos que saem das montadoras e infelizmente, o pobre continua pagando a conta. Até quando continuaremos a sofrer? Penso que é preciso uma nova mobilização popular cobrando políticas públicas em prol das pessoas, está na hora de sabermos que os serviços considerados como essenciais não podem ter lucro, mas devem estar a serviço da dignidade do ser humano.
Creio que os culpados são os secretários de transportes municipal e estadual, além do governador Geraldo Alckmim e do prefeito Aidan Ravin e se depender de mim, estes políticos podem encerrar a sua carreira política, porque são maus politicos, e não estão a serviço da população.

Padre Luiz, fc.   

quarta-feira, 1 de junho de 2011

A VIDA

Um pequeno garoto caminhava com seu pai pelas montanhas. De repente o garoto caiu e gritou:
- Ai!
Para sua surpresa, escuta a voz repetir, em algum lugar da montanha:
- Ai!
Curioso pergunta: - Quem é você? E recebe como resposta: - Quem é você?
Contrariado, grita: - Seu covarde! Escuta como resposta: - Seu covarde! Olha para o pai e pergunta aflito: - O que é isso? O pai sorri e fala: - Meu filho, preste atenção! Então o pai grita em direção à montanha:
- Eu admiro você! A voz responde:
- Eu admiro você! De novo o homem grita:
- Você é um campeão! A voz responde:
- Você é um campeão! O garoto fica espantado sem entender nada. Então o pai explica:
As pessoas chamam isso de ECO, mas na verdade isso é a VIDA. Ela lhe dá de volta tudo o que você diz ou fala. Nossa vida é simplesmente o reflexo de nossas ações. Se você quer mais amor no mundo, crie mais amor no seu coração. Se você quer responsabilidade  na sua equipe, desenvolva sua responsabilidade. Se você quer mais tolerância das pessoas, seja mais tolerante com as pessoas. Se quiser mais alegria no mundo, seja mais alegre. Tanto no plano pessoal, quanto no profissional, a vida vai lhe dar de volta o que você deu a ela. Sua vida nào é uma coincidência. Sua vida é consequência de você mesmo!  

HORA DA FAMÍLIA
Ocorreu um erro neste gadget

Bate Papo no Blog