quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Santos Zacarias e Isabel (05 de Novembro) - Parte 2

Com o Benedictus, considerado a última profecia do Antigo Testamento, Zacarias canta, na primeira parte, a Deus por ter mantido a promessa feita a nossos pais, enviando sobre a Terra o Salvador, que teria finalmente libertado o povo de seus inimigos, permitindo-lhe "servi-lo na santidade e na justiça, na sua presença, por todos os dias". A grande obra da salvação tinha começado a surdina, no silêncio e na oração na casa de Maria em Nazaré e naquela de Ain Karim, um povoado não bem identificado a cinco milhas de Jerusalém onde os cônjuges idosos Zacarias e Isabel aguardavam o nascimento do precursos de Jesus. Aqui aconteceu o encontro entre a Virgem Maria e sua prima Isabel, que "repleta do Espírito Santo" saudou a jovem parenta com as palavras que pelos séculos os cristãos repetem com a oração da Ave Maria: "bendita entre as mulheres e bendito o fruto de teu ventre".
Após o nascimento do filho João, no qual Zacarias exalta a grande missão de "batedor" de jesus para preparar as pessoas a receberem a salvação, os dois santos cônjuges desaparecem na sombra, dissipando-se como a tênue luz lunar pela luz solar de Cristo conforme uma lei que mais tarde seu filho proclamou: "Importa que ele (Cristo) cresça e eu diminua.
Santos Zacarias e Isabel, rogai por nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget

Bate Papo no Blog